Post destinado a comentários do episódio “Grotesque” da segunda temporada de Fear the Walking Dead. Muitos spoilers poderão (e serão) encontrados por aqui. Se você ainda não assistiu e não gostaria ter as surpresas do episódio “estragadas”, não prossiga. Você foi alertado!

Este post está destinado à exposição de ideias sobre tudo o que pode estar acontecendo na série. Utilize os comentários abaixo para compartilhar conosco suas teorias.

 
SINOPSE: “A busca incansável de Nick por respostas o leva a um cenário mortal onde é cada um por si. Uma parte sóbria de seu passado é revelada.”
 
Roteiro: Kate Barnow | Diretor: Dan Sackheim

DISCUSSÃO DO EPISÓDIO “GROTESQUE”:

Após a derradeira midseason finale da segunda temporada, Fear the Walking Dead finalmente retornou do seu breve hiatus para os episódios finais do ano. Como já era alertado por produtores, atores, e até mesmo o trailer da Comic-Con, esta nova fase da temporada reproduziria uma maneira de contar a história muito parecida com aquela vista em The Walking Dead após a queda da prisão graças ao Governador.

Ganhando um foco completo no episódio, Nick Clark (meu personagem favorito da série, arrisco dizer) finalmente encarou as consequências de suas escolhas. Como disse para a própria mãe no final de “Shiva”, agora ele prefere andar no meio dos mortos, e é praticamente mais um deles. Após uma boa amostra do que a própria natureza pode causar quando se anda sem ninguém em um mundo pós-apocalíptico, o sobrevivente ainda teve que lidar com outros humanos – ameaça recorrente nas histórias originais de Kirkman.

Mostrando uma história muito mais pessoal, o episódio ainda trouxe alguns interessantes flashbacks sobre tudo que aconteceu com Nick até o fatídico evento no final do primeiro episódio da série, na igreja. Além de uma melhor resolução sobre o destino do pai, algumas breves explicações para o comportamento anterior do adolescente viciado foram jogadas na mesa.

Para finalizar, toda a parte técnica da produção pareceu um pouco mais livre, principalmente no que diz respeito à direção, que não economizou em variados planos aéreos e um foco maior no gore. E mesmo que não tenha acelerado tanto a trama até seus minutos finais – com a chegada de uma nova comunidade -, o roteiro seguiu firme e forte dentro do drama interno do personagem.

Enfim, foi um ótimo e interessante retorno. Estou realmente ansioso para ver o que Fear está nos guardando para esta segunda parte. Até o próximo domingo!

 

Fiquem ligados aqui no FEAR the Walking Dead Br e em nossas redes sociais @FearWalkingDead (twitter) e FEAR the Walking Dead Brasil (facebook) para ficar por dentro de tudo que rola no universo de Fear the Walking Dead.


Comentários

  • Mumm Rá

    Interessante episódio e como meio que previsto seria mais ” calmo ”

    Achei interessante os seguintes pontos :

    1) Passado da vida do Nick : Como podemos perceber a origem do consumo de drogas estava ligado á ” ausência ” do seu pai uma vez que não possuía uma relação muito próxima com ele ( embora pessoalmente não acho que isso seja motivo para consumo de drogas )

    2 ) Cachorros predando Nick : Num mundo destruído os cachorros ” meio que voltaram ” ao seu instinto predador como pudemos ver ao tentarem predar Nick e terem atacado zumbis

    3 ) Destruição de laços sociais : Nick ao acordar viu um corpo e foi esclarecido que era de amigos que brigaram quando os recursos básicos acabaram ( portanto bastou acabar isso que a selvageria ” bateu ” nos seres humanos restantes destruindo laços de amizade em função do desespero )

    4 ) Dois momentos religiosos antagônicos : Um cruz de cabeça para baixo ( talvez perda de fé ou falácia do conceito de fé ) e desespero acompanhado de pedido ( Nick de mãos juntas como se estivesse rezando seguido de recuo dos zumbis )

    5 ) Um certo ” ar da graça ” do Negan : Quando apareceu aquela mulher com um bastão de basebol lembrei do Negan

    6 ) Andar entre zumbis : Embora os Sussurradores tenham levado isso á um novo patamar parece que essa idéia de andar entre os zumbis de forma mais constante ( e não apenas ocasional ) não é muito nova ( posso esta enganado nessa questão )

    Embora esse episódio tenha sido legal somente achei exagerado a sobrevivência do Nick porque levou tacadas de um bastão de basebol, atiraram nele com revólver e fuzil ( sendo que nenhuma bala o acertou ) e por duas vezes despertou no momento certo ( fugindo de uma tacada no crânio e fugindo de ser atacado por cães quando dormia )

    • Lucio Clash

      Você analisa bem os detalhes.
      Mas eu pensei em uma coisa interessante… quando o Nick comeu os restos daqueles cachorros devorados pelos zumbis, a carne dos cachorros estaria infectada né? então………. ele teria sido infectado huh? achei estranho º. º

      • Mumm Rá

        Bem lembrado e também achei estranho

        Na segunda temporada do TWD Daryl havia abatido um animal que acabou sendo mordido por zumbis e ficou aquela dúvida no pessoal ( grupo Morales ) se deveriam comer aquele animal ou não ( inclusive cogitaram comer a parte não mordida )

        Como eles não chegaram á comer fica a dúvida : Não comeram porque sabiam que se infectariam ou não comeram por receio de não saber se ficariam infectados ??????

        Pelo que sei essa ” doença ” zumbi acomete somente humanos portanto outros animais seriam imunes á essa doença ( tanto que num episódio do TWD Rick entre outros viram um zumbi sendo devorado por cachorros )

        Se Nick se ” contaminasse ” seria por causa da ingestão de restos destes zumbis que estivessem na carne destes cachorros ( restos de carne humana zumbi ou excesso de fluidos corporais putrefatos zumbi que ficaram nos corpos destes cachorros )

        Mas posso estar errado porque em vários episódios ( TWD e FTWD ) houve contato direto dos zumbis ( carne e fluidos infectados ) e o pessoal vivo não se contaminou ( embora contato seja diferente de ingestão )

        • Anderson Nascente

          Como ja foi dito no TWD todo estão infectados, então a carne do cachorro não tem nada ver, o que mata é a infecção que acontece com a mordida, por isso que quando amputam o membro que foi mordido a pessoa não morre, a unica coisa que pode acontecer é ele pegar alguma bacteria da carne mais isso pode ser tratado com os remedios corretos.

          • Mumm Rá

            Eu já sei que todos estão infectados tanto que escrevi isso várias vezes num outro site referente á TWD mas pelo visto você não entendeu o que eu escrevi

            Até aquele momento não se sabia que todos estavam infectados e somente depois que Rick encontrou Dr Jenner que soube que todos estavam infectados e o exemplo que dei foi ANTES do encontro do Rick com Dr Jenner no CDC

            Portanto naquela época no TWD não se sabia se animais poderiam transmitir essa ” doença zumbi ” ou que eles também poderiam ou não estar infectados

            Portanto fiz apenas uma correlação em relação ás informações disponíveis na época ( tanto para personagens como espectadores ) sobre essa doença zumbi no TWD com esse fato ocorrido no FTWD relacionado ao Nick

            Por isso escrevi que TALVEZ Nick se ” contaminaria ” com os RESTOS DOS ZUMBIS ( portanto a carne humana já em ” modo zumbi ” ) que estariam no corpo do cachorro devorado portanto nada falei que Nick se contaminaria por causa da CARNE CANINA EM SI ( entendeu o que eu quis dizer agora ? )

            Além disso embora a mordida possa matar por causa da infecção isso em si não é a causa do processo de zumbificação já que todos estão contaminados portanto basta morrer para retornar como zumbi como visto em várias ocasiões no TWD como Milton ( depois de ser morto pelo Governador ) e Shane ( depois de ser morto pelo Rick ) que morreram ser serem mordidos por outros zumbis mas que retornaram zumbificados

  • Luis Fernando

    O personagem favorito dos fas, o Nick, gostei da aventura solo dele nesse ep.

    • FSociety

      Como sempre se metendo em confusão kkkk

  • Diego Fasano

    Esse não foi o melhor episódio, mais também não foi tão ruim, mais teve muita coisa quase impossível de uma pessoa fazer, como o Nick conseguiu andar uns 100 km ou mais ate Tijuana em dois dias depois de ter levado umas tacadas com um bastão de basebol, ter levado vários tiros e nem um ter pegado nele, ser mordido por cachorro e ainda esta desidratado? e sem falar da chuva nada a ver que teve.

    E o flashback que teve dele falando do pai tava querendo dizer que só porque o pai dele era ausente ele começou a usar drogas ? porque isso não e desculpa, a Alicia e mais nova que ele ela passou pelas mesmas coisas e ainda pior porque alem do pai a mãe nem ligava pra ela e só se preocupar com ele, e ainda mostra o flashback da Madison contando que o pai morreu e não mostra a Alicia, acho que ela tinha que ta junto com a mãe.
    Mais em fim Nick e um dos meus personagem favorito mais acho que tem que melhorar muito ainda a historia dele, vamos esperar os próximos episódios pra ver.

    • FSociety

      Ele já estava no meio do caminho andando o dia inteiro esqueceu? Quando ele parou pra dormir é que apareceu aquela mulher louca com o taco de beisebol.

      • Diego Fasano

        Mais mesmo assim ficou muita coisa meio sem sentido

        • FSociety

          Muita series tem essa mania de apressar as coisas.

  • pedro antonio

    Assim como a 1° temporada e a primeira metade da 2° temporada esse episódio é resumido em uma única palavra: LIXO

  • FSociety

    O Nick é muito azarado kkk sempre arrumando confusão eu gosto desse personagem mais espero que eles deem foco na Alicia também.

    • Diego Fasano

      Concordo a Alicia precisa de mais cenas, ela tem muito potencial pra ser um personagem foda .

  • Karine

    Episódio médio, achei extremamente forçada a morte dos caras armados… Sério, qualquer idiota teria levantado e corrido de volta pro carro.

  • Lucas Soriano

    Creio que teremos mais episódios assim, essa segunda metade parece que será focada no desenvolvimento “final” das pontas soltas, já que uma parte do grupo voltou pro mar, 2 ficaram vagando, e 1 foi pra Tijuana, mas, parece que, os problemas de TWD começam a surgir em Tijuana e suas proximidades. E, também, não vejo essas pontas soltas se juntando, não no México..