Post destinado a comentários do episódio “Pablo e Jessica” da segunda temporada de Fear the Walking Dead. Muitos spoilers poderão (e serão) encontrados por aqui. Se você ainda não assistiu e não gostaria ter as surpresas do episódio “estragadas”, não prossiga. Você foi alertado!

Este post está destinado à exposição de ideias sobre tudo o que pode estar acontecendo na série. Utilize os comentários abaixo para compartilhar conosco suas teorias.

SINOPSE: “Alicia e Madison trabalham para unir duas facções concorrentes. Nick se baseia em habilidades de seu passado para assumir um novo papel na Colônia.”

Roteiro: – | Diretor:

DISCUSSÃO DO EPISÓDIO “PABLO E JESSICA”:

O retorno de Fear the Walking Dead conseguiu ser muito bom! A maneira como os três primeiros episódios após a midseason trabalhou o psicológico e atual estado dos sobreviventes após a queda do porto seguro foi gratificante, e a maior expectativa de todas era que o ritmo continuasse da mesma maneira.

Infelizmente, “Pablo e Jessica” não deve ter sido um dos maiores acertos desta segunda temporada. Novamente focando em dois grupos – Hotel e Comunidade de Tijuana -, o capítulo deste domingo pareceu um tanto quanto estagnado no mesmo local: nada de muito importante aconteceu.

Após um interessante flashback que contou como Strand e Madison se livraram da difícil situação do episódio da semana retrasada, o foco principal do núcleo do hotel foi a criação de um plano para tentar atrair os infectados para longe e, consequentemente, deixar o lugar habitável, mesmo sabendo que uma futura ameaça humana possa estragar uma ideia que, inicialmente, parece ter funcionado como esperado.

Já no lado de Tijuana, o roteiro usou alguns artifícios para tentar atrair o espectador a acreditar que o dono da comunidade é realmente imune ao vírus zumbi, tendo sido salvo pela sua fé. A falta de detalhes árduos ainda deixa a dúvida de que o homem pode não passar de um farsante buscando proteção e uma determinada “ordem” entre os sobreviventes que ali habitam. Como bônus, a relação criada entre Nick e Luciana apenas serve para elevar ainda mais a nova personagem, já que, por enquanto, apenas a sua personalidade badass contribuiu para algum tipo de carisma entre o público.

Enquanto o roteiro não caminhou a história, a direção também não apresentou muitas novidades. Entretanto, o uso frequente de planos aéreos para a tensa sequência envolvendo a locução dos zumbis realmente merece destaque pela sua bela execução.

O próximo episódio aparenta novos perigos para o grupo do hotel, incluindo a vida de um deles em risco. Quais são as suas expectativas?

 

Fiquem ligados aqui no FEAR the Walking Dead Br e em nossas redes sociais @FearWalkingDead (twitter) e FEAR the Walking Dead Brasil (facebook) para ficar por dentro de tudo que rola no universo de Fear the Walking Dead.


Comentários

  • Paula Santos

    Gostaria que a ação de passasse nos EUA, parei de ver quando começou todo aquele misticismo mexicano sobre os muertos…..quando eles voltarem para os EUA eu assisto.

    • larissa castro alves

      kkk,só se acharem outro barco ou irem de pé .

      • pedro antonio

        carro !!!!

    • na,

      Simm!! Eles estereotiparam demais os mexicanos!! Ou é bandido ou é fanático religioso.

    • pedro antonio

      concordo, esse lance deles no México “estragou” a série, queria ver eles em Los Angeles, cidade, e não em outro interior agora no México, essas misturas de diálogos em inglês e espanhol é zuado.

  • kitkat meaow

    A série estáficando cada vez mais interessante, como se estivesse meio que se alinhando à série original. Agora, a única parte que me deixa chateada é a do Travis com o Chris. Pô, mano, o cara não está vendo que o filho não tem nenhum interesse ligado com o dele? Larga esse osso, Travis!!

    • kitkat meaow

      Está ficando*

    • kitkat meaow

      Está ficando**

    • larissa castro alves

      pois é, ou o Chris vai morrer ou vai aparecer bem la na frente em um grupo pra se vingar :/
      acha que será algo desse tipo.

      • Rafa

        Isso está passando pela minha cabeça desde muito tempo, pensei até na possibilidade de ele aparecer como possível vilão na própria TWD. Mas se ele chegasse realmente a se tornar um vilão, nada mais justo que ele ter sua ascendência em FTWD mesmo

    • Andre Luiz

      Para mim, todo esse lance de conseguir de alguma forma “domar” os zumbis é muito interessante, até porque a raça humana já conseguiu domesticar animais e acredito que não regrediria tanto em tão pouco tempo como TWD e FTWD mostram às vezes. A série está provando que com um pouco mais de cabeça, racionalidade, e um pouco menos de atitudes sem noção, os zumbis podem ser passados para trás. O problema maior sempre foram os próprios humanos… Ah, e o Travis tem que dar uma dura no filho dele, tipo um ultimato, mesmo pra mostrar pro menino que não é bem por esse lado rsrs

  • Marcel Souza

    O primeiro grupo a guiar uma horda de zumbis, bem antes do que o Rick e os sobreviventes de Atlanta, tá ficando muito bom o seriado!

  • Lucas Soriano

    Episodio bem morno para os padrões. Mas eu nunca pensei que iria ver uma temática de zumbi da forma que estou vendo em FTWD, por isso não é justo pensar que a historia parou ou algo do tipo, a historia nunca para. Estão nos fazendo ficar apegados demais a Tijuana, na verdade, esse é núcleo com mais cenas fofas, e diálogos profundos e reflexivos, algo vai cair como uma bomba em tudo isso, e nesse dias lagrimas vão cair no chão. Eu sinceramente já fico triste em pensar ver essas crianças que estão jogando bola perdendo suas vidas ou a felicidade, me faz lembrar das guerras do mundo real….

  • Comentando as notícias

    Mulherada se sentido atraída por drogados até depois do fim do mundo.

  • Wiliam Pegoraro

    Fear the walking dead está chato demais. Está apenas na segunda temporada e está igual ao The Walking Dead. Por ser o início, devia ter mais ação, os zumbis não oferecem perigo. Não sei, mas não to gostando muito. (Minha opinião)