Siga-nos nas redes sociais

Especulação

Avião que aparece no terceiro episódio de Fear the Walking Dead teria relação com o episódio especial?

Publicado há

em

Além de ter explorado um pouco mais os primeiros passos da epidemia zumbi, o terceiro episódio de Fear the Walking Dead – intitulado “The Dog” – pode ter apresentado um easter egg bastante curioso.

Nos minutos finais do episódio, enquanto vagava pela vizinhança, Nick avistou um avião no céu, aparentemente apresentando possíveis problemas no voo. Até aí tudo bem, afinal, está claro que o caos só tende a crescer, principalmente agora com a intervenção do governo.

Entretanto, recentemente fora anunciado que a AMC está preparando um episódio especial que terá sua estreia online, e seguimentos durante o período de exibição da sexta temporada de The Walking Dead – totalizando trinta minutos de webisodes. A temática explorará um ataque zumbi dentro de um avião – sendo que um dos passageiros encarando o desafio será introduzido ao elenco regular na segunda temporada da série derivada.

Sem mais detalhes, os fãs já começaram a criar teorias de como tudo funcionará: enquanto alguns acreditam que o webisode começará com o “novo personagem” conversando com o vizinho de Madison, Patrick – que informou estar voltando do aeroporto -, minutos antes de entrar no tal vôo, outros creem que os episódios brincarão com o tempo, iniciando já no meio do caos – como foi o caso dos primeiros webisodes baseados em The Walking Dead, que foram responsáveis por contar a origem de um de seus mais icônicos zumbis.

E então, acreditam nesta teoria? O avião do episódio especial é aquele avistado por Nick? Como acham que os webisodes se desenvolverão? Estão ansiosos para ver o personagem que continuará no desenrolar da trama? Deixem suas opiniões nos comentários abaixo.

Fiquem ligados aqui no FEAR the Walking Dead Brasil e em nossas redes sociais @FearWalkingDead no twitter e FEAR the Walking Dead Brasil no facebook para ficar por dentro de tudo que rola no universo de FEAR the Walking Dead.

Continue lendo
Publicidade
Comentários

2ª Temporada

Fear the Walking Dead 2ª Temporada: Qual será o destino de Abigail?

Publicado há

em

No último episódio da primeira temporada de Fear the Walking Dead, o plano de Strand foi revelado: ir embora no seu iate. Mas para onde os nossos sobreviventes se deslocariam? Será que eles vão deixar os Estados Unidos?

Bem, tomando por base que a região onde aparentemente eles se encontram é Palisades, em Los Angeles, há alguns locais para onde eles poderiam rumar. Analisando o mapa da localidade, podemos citar: as ilhas próximas do local (Santa Catarina, São Clemente, São Nicolas, Ilhas do Canal da Califórnia), Baixa Califórnia no México, Havaí e América Central.

Quanto ao conjunto de ilhas próximas de Los Angeles, acredito ser pouco provável que os sobreviventes se fixem no local, já que em nada contribuiria para a história. Tais ilhas não possuem um grande número de população, o que tornaria exterminar os infectados do local uma tarefa simples. Então passaríamos a assistir uma série de sobrevivência na mata e não uma série de sobrevivência num apocalipse zumbi. Óbvio que as ilhas possuiriam benefícios para os sobreviventes, como o já citado baixo número de moradores, recursos naturais vastos e impossibilidade de uma invasão walker por migração. Mas o grande problema é que as ilhas citadas são ou reservas marinhas ou utilizadas para estudos, ou seja: nenhuma tecnologia, poucos abrigos, muito trabalho para se fazer. Enfim, seria um tanto quanto inviável a sobrevivência no local.

Temos a ideia da Baixa Califórnia localizada no México, já que o país foi citado por pelo ator Lorenzo James Henrie (Chris) em recente entrevista sobre a próxima temporada. O local poderia ser o ponto de entrada do grupo no país vizinho. Traria uma carga desértica e árida para a série, sem perder as possíveis hordas de infectados, já que no México há cidades superpopulosas. Teria um enredo interessante inclusive para dois personagens: Daniel e Ofelia. Os dois acabariam por tomar a frente quando o assunto fosse relações com outros sobreviventes, já que possuem domínio da língua espanhola. Acredito que se os Manawa, Clark e Salazar saírem mesmo do país norte americano, a maior possibilidade é a fuga para o México, dentre as opções.

O Havaí foi outra localidade citada – dessa vez pela atriz Alycia Debnam-Carey (Alicia). Obviamente que assim como no caso das ilhas da Califórnia, se essa tornar-se a locação dos sobreviventes, eles não estariam saindo do país americano. A diferença das ilhas havaianas para as anteriormente citadas é seu desenvolvimento e densidade demográfica, o que não implicaria em ainda termos numerosos infectados (já até imagino walkers surfistas). Estar numa ilha já teve seus benefícios citados, mas poderia trazer um enredo grandioso se gradativamente eles tornassem-se prisioneiros do próprio local, sendo cada vez mais incapazes de fugirem dali caso necessário. O iate de Strand afundando, por exemplo, seria uma história relativamente boa se caso eles realmente migrassem pro Havaí. Contudo, a série adotaria uma temática de Lost com adição de zumbis. Poderia se tornar chato e problemático e possivelmente, uma vez trancados dentro da ilha, nunca mais poderiam ir para outro local e a história acabaria por ficar presa ao marasmo havaiano.

Outro ponto que merece ser citado é a América Central, pequenos países com dois oceanos distintos em cada lado, riquezas naturais, população moderada e por vezes violenta por natureza (sobreviventes “facas na bota” seria uma ameaça boa para o grupo). Estariam livres para migrar entre os países e abordar países que hoje em dia pouco são vistos na mídia. Seria extremamente legal descobrir como seria o apocalipse de The Walking Dead em países como Nicarágua, Panamá, Guatemala, Honduras e demais paisinhos que separam a América do Norte da do Sul. Tornaria uma abordagem coerente com aquilo que foi anunciado de Fear the Walking Dead: mostrar como é o apocalipse zumbi em outra parte do mundo. Quando tivemos o anúncio de que se trataria de Los Angeles, vieram diversas críticas de que teríamos mais do mesmo. Mas e se o plano desde sempre era somente o ponto inicial ser Los Angeles e depois vermos os personagens se infiltrarem em outros locais?

Há outros lugares como Alasca, Rússia, Japão e até Oceania para onde eles poderiam ir, mas são pouco prováveis, ou por sua distancia ou pela sua impossibilidade de sobrevivência. Até porque o tempo para irem até um país do outro lado do Oceano Pacífico seria relativamente grande, fazendo com que uma temporada se prendesse quase que inteira só na viagem de alto-mar ou que houvesse um salto temporal muito grande na série.

Levar os personagens para fora do solo norte-americano acabaria também com todo o argumento de alguns quanto ao encontro dos grupos de Fear e de The Walking Dead. Óbvio que a ideia já é incontroversa por si só, mas ao menos daria um basta nos que insistem em querer colidir as duas histórias.

Há possibilidades grandes de Strand partir sozinho também e ser um daqueles personagens que nunca mais tornaríamos a ver. Daniel talvez não concorde com a ideia de se lançar mar à dentro visto a loucura total que isso apresenta. Mas seria ao mesmo tempo frustrante perdermos o destino de Abigail. O mar é algo que não havíamos visto ainda na temática de Kirkman (exceto pela HQ), e pode render grandes histórias.

E você? Possui especulações quanto ao destino de Abigail? Será que todos os personagens embarcarão na viagem de Strand? Para onde eles iriam e quais os riscos que enfrentariam? Deixe todos os seus pensamentos nos comentários abaixo.

Fiquem ligados aqui no FEAR the Walking Dead Br e em nossas redes sociais @FearWalkingDead (twitter) e FEAR the Walking Dead Brasil (facebook) para ficar por dentro de tudo que rola no universo de Fear the Walking Dead.

Continue lendo

1ª Temporada

Fear the Walking Dead vai sacrificar um de seus protagonistas em um chocante final de temporada?

Publicado há

em

Bem, tecnicamente, Fear the Walking Dead não tem nenhum Rick Grimes. Em The Walking Dead, Rick era um xerife badass desde o início, e nenhum personagem de Fear the Walking Dead se encaixa nem mesmo remotamente nessa descrição. Mas, em termos de liderança, a série derivada tem muito claramente dois líderes.

Eles seriam Travis Manawa (Cliff Curtis) e Madison Clark (Kim Dickens), um marido e uma esposa com três filhos, nenhum dos quais é filho dos dois juntos, devido a divórcios do passado. Casados recentemente, os personagens se dividiram já no segundo episódio, indo para lados opostos de Los Angeles enquanto a sociedade começa a desmoronar com o início do apocalipse zumbi.

A relação deles é bastante diferente da relação de Rick e de Lori que vimos na primeira temporada de The Walking Dead. Lori nunca foi uma protagonista, e eu acrescentaria, nunca foi uma personagem muito boa. Na primeira temporada em particular, ela foi usada como joguete para criar tensão entre Rick e Shane. Por achar que Rick estava morto, ela já tinha dormido com Shane poucas semanas depois, o que produziu a “tensão” da situação. Rick ficou (compreensivelmente) furioso ao descobrir de Shane “estava presente para ela e para Carl”.

Nós parecemos estar evitando qualquer bobagem no estilo novela assim com Travis e com Madison em Fear the Walking Dead. Em vez disso, esses dois personagens compartilham o manto da liderança. Mas estou ficando nervoso que Fear the Walking Dead esteja tramando algo muito perverso para nós devido a esse formato.

SE TRAVIS MORRER:

Nós podemos pensar em uma história onde se o Travis chegar a morrer/se sacrificar para salvar alguém (é bem o estilo dele), Madison teria que – provavelmente – aprender a conviver com Liza e Chris, além de criar seus filhos sozinha, tentando controlar o vício de Nick.

SE MADISON MORRER:

A tensão seria ainda maior, onde Travis teria que criar os filhos de Madison e enfrentar os ciúmes de Chris, que não suporta a relação do pai com os “filhos adotivos”. Isso poderia desencadear um desespero ainda maior em Nick, que ainda nem se recuperou da morte do pai.

O que você acha que vai acontecer no último episódio da primeira temporada? Você também pensa que podemos perder um dos protagonista? Deixe todos os seus pensamentos nos comentários abaixo.

Fiquem ligados aqui no FEAR the Walking Dead Br e em nossas redes sociais @FearWalkingDead (twitter) e FEAR the Walking Dead Brasil (facebook) para ficar por dentro de tudo que rola no universo de Fear the Walking Dead.


Fonte: Forbes
Tradução: Lalah / Staff Fear the Walking Dead Brasil

Continue lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade

EM ALTA